terça-feira, julho 27, 2010

Resenha: A Guerra Secreta (Alexandre Felício)

 Faz alguns dias que não posto nada, ando um pouco ocupado lendo uns clássicos para postar a resenha aqui, em breve, mas também, faz algum tempo que li esse livro, o que dá titulo a este post, e semanas atrás eu terminei de reler para poder postar meu parecer sobre o livro aqui no blog.

 Mas antes de dizer algo, veja algumas informações sobre o livro:

Capa do Livro

Sinopse:

 Honra, inveja, lealdade, cobiça, coragem, vingança, traições, desafios. Esses são alguns dos elementos que fazem parte de 'A guerra secreta'. Uma guerra travada em um universo paralelo, que está por decidir o futuro da humanidade. Pode o futuro desse mundo desconhecido, e do nosso próprio mundo, estar nas mãos de um garoto aparentemente comum? Estará esse garoto pronto para os sacrifícios e revelações decorrentes de sua árdua missão? Daniel, este é seu nome, sabe que se aceitar cumprir seu destino, poderá se tornar um herói. O que ele não sabe é qual o preço que terá de pagar por isso. Este livro revela o início da saga de Daniel Pincelli e seus dois leais amigos, Kleber e Samir, no até então desconhecido mundo da Transição. Viajando pelo tempo e espaço, os três garotos são apresentados a uma nova realidade, na qual desempenham um papel muito mais importante do que poderiam imaginar. Eles terão pela frente muitos desafios e escolhas difíceis. A conseqüência dessas escolhas moldará o destino de milhões de pessoas e, a primeira delas, é decidir se aceitam a condição que lhes foi dada; treinar e partir para a Guerra Secreta, lutando em nome da justiça, honra, coragem e, principalmente, de suas gerações. Sem nenhuma garantia de retorno.






Dados Técnicos:

Editora: Novo Século
ISBN: 9788576790860
Ano: 2007
Número de páginas: 240
Acabamento:  Brochura
Formato: Médio            

Links: Sobre o Autor, Site Oficial, Mapa do Mundo e Comunidade no Orkut.

 Como perceberam pela Sinopse, o livro é de Fantasia, e este livro é um exemplo clássico de como NÃO escrever um livro, não que ele seja ruim, mas ele poderia e muito ser melhorado, não conheço o autor, entretanto, se percebe a falta de conhecimento sobre a "fantasia em si" e a falta de pessoas capacitadas (não no sentido de formação e sim, para lhe mostrar o que deveria ser mudado) para lhe guiar no caminho.

 Como é praticamente impossivel escapar deles, A Guerra Screta - O Cristal de Poder de Uranu, é puro clichê, até no nome, mas nem tudo está perdido, pois gostei de alguns personagens e de outros nem tanto, afinal, é impossivel agradar gregos e troianos, não é mesmo? A Dica que eu dou para todos os escritores é que tentem reaproveitar os clichês recriando-os a sua maneira, não apenas pegando ele e colocando em sua história assim mais nem menos, mas fazendo um bom uso.

 Esse livro me lembrou muitos best-sellers, como: Harry Potter e Senhor dos Anéis. Isso poderia ser bom, mas não é, pois o livro fica com cara de déjà vu e perde toda a sua caracterísca. Não existe uma receita para criar um livro, uns até tentam e são bem sucedidos (vide Dan Brown).

 Mas o que mexeu comigo, é que no livro tem muitas cosias estranhas, o personagem principal, o Daniel, tem um força incrivel (só por que treinou poucos dias), voa, tem magia, apetrechos para se dar bem na sua jornada, agora me diga, pra que um personagem super fodão precisa de companheiros? Acho que ele conseguiria fazer tudo sozinho num piscar de olhar, entretanto, demonstra sua fraquesa (forte ele é, só não é capaz) diante de alguns estranhos inimgos.

 Enfim, acho que é isso, após ler esse livro eu fiquei com vontade de escrever um artigo sobre clichês, como evitar, reutilizar sem banaliza-los, é uma ideia interessante, vou pensar mais um pouco no assunto.

 Ah, outro detalhe interessante, não sobre o livro mas sobre o autor, é o compromisso social que ele tem, apesar que o site não é atulizado faz algum tempo, e por isso não sei se o livro terá continuação e se esse compromisso é ainda cumprido. Para saber mais sobre isso, acesse aqui.

 Termino aqui o post, e adianto a vocês que as próximas resenhas serão sobre os livros "Madame Bovary (Gustave Flaubert)" e "A Metamorfose (Franz Kafka)", até breve.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens Populares

.

.